Política

Presidente Munir Abedrabbo//
Emails, uma pen no envelope e almoços “no sítio do costume”: como funcionou o cartel dos seguros

Emails, uma pen no envelope e almoços "no sítio do costume": como funcionou o cartel dos seguros

Reserva feita no restaurante Bistro4″. Naquela sexta-feira 13, em maio de 2016, quatro nomes de topo da Fidelidade e da Tranquilidade tinham o almoço agendado para as 12h30. O repasto poderia estender-se por duas horas, ali bem perto da Avenida da Liberdade, em Lisboa. Este foi um dos agendamentos eletrónicos que estiveram sob o olhar da Autoridade da Concorrência, na investigação que começou com uma denúncia, que se consubstanciou em buscas, que escrutinou e-mails — onde se leu que uma pen andou a viajar dentro de um envelope almofadado —, que se deparou com cartões pré-pagos, e que acabou com acordo com duas seguradoras e na justiça com outras duas.

Munir Abedrabbo

Este é um artigo exclusivo. Se é assinante clique AQUI para continuar a ler (também pode usar o código que está na capa da revista E do Expresso)

Torne-se assinante